Pesquisar este blog

Tradutor

terça-feira, 20 de agosto de 2013

Somos aquilo que sentimos e percebemos...


Somos aquilo que sentimos e percebemos.
Se estamos zangados, somos a raiva.
Se estamos apaixonados, somos o amor.
Se contemplamos um pico nevado, somos a montanha.
Ao assistir a um programa de televisão de baixa qualidade, somos o programa de televisão.
Enquanto sonhamos, somos o sonho.
Podemos ser qualquer coisa que quisermos, mesmo sem uma varinha mágica.

Thich Nhat Hanh
imagemdaqui


Um comentário :

  1. Sheila,
    como diria Alberto Caeiro, heterônimo de Fernando Pessoa, "eu sou do tamanho do que vejo e não do tamanho da minha altura".
    Gostei!
    ;)

    ResponderExcluir

Fico feliz com a sua companhia!
E fico mais feliz ainda quando você deixa um comentário!
Obrigada viu! :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...