Pesquisar este blog

Tradutor

sexta-feira, 30 de março de 2018

Páscoa...e um olhar mais amoroso...


Perseguir o silêncio é o mesmo que perseguir a sabedoria. Os sábios falam menos e escutam mais. Eles não se apressam em dar nomes às realidades. Eles demoram os olhos na realidade e sabem aprecia-la sem pressa. Olhar devagar é um dom que desejo possuir.

O olhar apressado é a matriz de todo preconceito. Acho que vi, mas não vi. E o pior, digo que vi, sem ter visto.

Jesus só olhou o mundo sem pressa. E por isso Ele era capaz de ver o que ninguém via. Olhou Madalena e não viu a prostituta que todos viram. Viu a mulher, viu o ser humano que precisava ser resgatado dos olhares apressados que a condenavam.

Olhou Pedro e não viu somente o pescador. Viu o homem que poderia vir a ser. Viu a eloqüência das palavras aprisionadas em seu “não saber dizer”. Viu o profeta escondido detrás da timidez e do medo.

Ultrapassou os excessos da vida errante e enxergou o santo que ali estava adormecido.

Eu não sei como anda o seu olhar sobre si mesmo. Não sou conhecedor da pressa ou da calma do seu olhar. Uma só coisa eu sei, e sobre isso quero lhe dizer. Há em você um universo de verdades a ser descoberto. Há uma humanidade linda que ainda precisa passar pelo processo do florescimento.

Não sabe por onde começar? Eu lhe dou uma dica. Comece a prestar atenção no jeito como você se enxerga, no jeito como você se trata, no jeito como você se interpreta. Não aloje em seu coração sentimentos que sejam contrários à sua felicidade. Não deixe demorar dentro de você o que na vida não valeu à pena. Expulse de sua mente tudo o que for contrário ao que Deus espera de você.
Cultive esta certeza: o olhar de Jesus já lhe atingiu! Ele confia profundamente em tudo o que você ainda pode ser. Não se prenda aos seus fracassos. Eles não são nada perto de tudo o que Deus preparou para o seu futuro. Derrotas podem ser fontes de esperanças...

Veja o avesso de suas inseguranças. Há uma coragem que você precisa enxergar. Ela é necessária como o pão de cada dia.

Hoje é dia de olhares demorados...

Veja em você o que Jesus já viu.
Lance sobre você um olhar amoroso. É disso que você está necessitando.

Pe Fábio de Mello

Feliz Páscoa!





terça-feira, 20 de março de 2018

Outono e a renovação das energias...


Olá amigos!

É hoje a chegada do Outono...as 13:57hs...ele estará batendo na nossa porta!
Já disse em outros posts o meu carinho por esta estação...
Gosto das tardes de outono...das cores, do aconchego...
Do sol quente e do vento frio...

Dos contrastes...


A vida é sombra e luz.
Sol e chuva... 
Flor e outono...
Calor e frio...
E, nos contrastes, a gente progride...


Que tal preparar a casa para receber esta estação? hã?

Decorar com folhas secas, grãos nos vidros (que remete a ideia de armazenar para o inverno)...
Mantas, para dar aquele ar de aconchego...
Incenso de canela para perfumar...

Enfim...


E depois de tudo limpo, decorado e perfumado...
Faça esse exercício de proteção do lar...para entrar no outono com energias renovadas!

Posicione-se na parta de entrada da sua casa...
Respire profundamente algumas vezes...
Eleve seu pensamento...
Mãos em oração em frente ao peito.
Imagine uma luz branca descendo sobre sua cabeça...
Essa energia poderosa passa pelo seu corpo e chega até suas mãos...
Abra os braços e imagine essa luz irradiando de suas mãos...
Caminhe pela casa, banhando cada móvel, cada objeto, cada cômodo da sua casa com essa luz poderosa.
Percorra toda a casa e volte a porta de entrada.
Encerre unindo as mãos novamente em frente ao peito 
Respire profundamente e agradeça por essa benção divina que você e sua família acaba de receber.

E que assim seja...


E que venha o outono...
Lembrando que a vida é um ciclo...
E que as folhas que caem hoje precisavam ir...
Desapegar-se é abrir a janela da RENOVAÇÃO!
Que venham as folhas novas! 

Um abraço com cheiro de canela...
Sheila Costa
Do blog Passarinhos no Telhado
imagens google


.

segunda-feira, 12 de março de 2018

As vantagens da doença...



A doença oferece poucas vantagens que a saúde não pode oferecer; “não se apegue a essas vantagens”. O ódio também tem umas poucas vantagens que o amor não tem. E você tem que ser muito observador.

A pessoa doente ganha a simpatia de todos; ninguém a fere, todo mundo toma cuidado com o que lhe diz, afinal ela é tão doente! Ela é o centro das atenções, o centro de todo o mundo – da família, dos amigos – passa a ser a pessoa de quem todos falam, uma pessoa importante.

Agora, se ela se apegar muito a essa “importância” ao fato de seu ego estar satisfeito, ela nunca mais vai querer ser uma pessoa saudável. Ela se agarrará à doença. E os psicólogos dizem que existem muitas pessoas apegadas à doença por causa das vantagens que ela oferece. E essas pessoas investiram tanto tempo nessa doença que se esqueceram completamente de que estão apegadas a ela. Tem medo de que, se ficarem saudáveis, não terão mais ninguém.

Você ensina isso também. Quando uma criancinha fica doente, toda a família se volta para ela. Isso é absolutamente não-científico. Quando a criança estiver doente, cuide do corpo dela, mas não lhe dê atenção demais. É perigoso, porque ela associa a doença à atenção que você lhe dá… O que fatalmente acontece, se isso se repetir muito.

Sempre que a criança fica doente, ela passa a ser o centro das atenções de toda a família: o papai vem, senta-se ao lado dela e pergunta como está se sentindo, o médico é chamado, os vizinhos começam a aparecer, os amigos perguntam e as pessoas trazem presentinhos…

Ela pode ficar apegada demais a isso; essa atenção toda pode agradar de tal modo o seu ego que a criança pode não querer ficar boa de novo. E, se isso acontecer, então será impossível ficar saudável. Nenhum remédio a curará. A pessoa se compromete com a doença. E isso é o que acontece com muitas pessoas, com a maioria.

Osho
imagemdaqui

Tome posse dessa consciência agora, e não entre nesse ciclo destrutivo.

quinta-feira, 1 de março de 2018

Porque só atraio gente desse tipo...


Porque só atraio homens machistas?
Porque só atraio pessoas fanáticas?
Porque só atraio gente preconceituosa?
Porque? 

Existem linhas de pensamentos que não concordamos, e isso é natural.
Mas uma coisa é certa: aquilo que a gente resiste, PERSISTE!
O Universo é inclusivo, e essas pessoas e seus pensamentos que consideramos antiquados, chatos, retrógrados, fazem parte do todo também.
Não precisamos concordar...
Mas aceitar que sim, existem pessoas que pensam dessa maneira...e está tudo certo. 
Por mais que eu deteste homens machistas, pessoas fanáticas, gente preconceituosa... eles vão continuar existindo, com ou sem a minha permissão.
E essa aceitação é o gatilho necessário para que nossa energia mude, e consequentemente deixe de atrair pessoas desse tipo. 
A aceitação é o primeiro passo para a transformação. 

E você que está pensando, que aceitação é uma forma "acovardada" de se posicionar...
Então leia esse texto da Terapeuta Ana Cristina Pereira, que na minha opinião é perfeito...


A primeira impressão que temos quando ouvimos ou pensamos em aceitar, seja uma pessoa, um fato ou uma circunstância é de que estaremos nos submetendo ou nos subjugando, desistindo de lutar, desistindo de mudar, sendo fracos. De verdade, se quisermos modificar qualquer aspecto da nossa vida, das nossas relações ou de nós mesmos devemos começar aceitando. A aceitação é detentora de um poder transformador que só quem já experimentou é que pode avaliar. È realmente difícil aceitar perda material ou afetiva, uma situação de dificuldade financeira, uma doença, uma humilhação, uma traição, etc. Mas a aceitação é um ato de força interior, sabedoria e humildade, já que existem inúmeras situações que não podemos mudar no momento em que acontecem. E, de maneira geral, as pessoas são como são, dificilmente mudam. Na verdade, não podemos contar com isso. Quem muda somos nós, por escolha e vontade própria. Portanto, se não houver aceitação, o que estaremos fazendo é insensato, é insano. Ser resistente a isso, brigar, revoltar-se, negar, deprimir, desesperar, indignar-se, culpar, culpar-se, etc, são reações emocionais carregadas de raiva - raiva do outro, raiva de si mesmo, raiva da vida. E a raiva destrói, desagrega. A aceitação é uma força que desconhecemos porque somos condicionados a lutar, a esbravejar, a brigar. Mas aceitar não é desistir, nem tão pouco se resignar. Aceitar é estar lúcido do momento presente como é, e se assim a vida se apresenta, assim deve ser, já que tudo está coordenado pela Lei da Ação e Reação. No instante em que aceitamos, desmaterializamos situações que foram criadas por nós (karma) e soluções surgem naturalmente através da intuição ou fatos trazendo as respostas e as saídas para a situação.

Tudo isso porque paramos de resistir à VIDA como se apresenta no momento.

A consciência de que tudo é movimento, nada é permanente, faz com que a aceitação aconteça mais facilmente. A nossa tendência "natural" é resistir, não aceitar, combater tudo o que nos contraria e o que nos gera sofrimento. Dessa forma prolongamos a situação. Resistir só nos mantém presos dentro da situação desconfortável, muitas vezes perpetuando e tornando tudo mais complicado e pesado.

Quando não aceitamos nos tornamos amargos, revoltados, frustrados, insatisfeitos, cheios de rancor e tristeza. E esses padrões mentais/emocionais criam mais e mais dificuldades, nunca trazem solução. Aceitar é expandir a consciência e encontrar respostas, soluções, alívio. Aceitar é o que nos leva à Fé. É fundamental entender que aceitar não significa desistir; seguir adiante com otimismo e ter muitos propósitos a serem atingidos é nossa atitude saudável diante da vida. Aceitar se refere ao momento presente, ao agora. No instante que você aceita - ou em outras palavras, você se entrega - novas idéias surgem para prosseguir na direção desejada, saindo do sofrimento.


Existem pessoas que pensam diferente de mim.
Eu vou continuar com minhas convicções. Ela vai continuar com as dela.
No momento certo de cada um, as mudanças de consciência ocorrerão.
E tá tudo certo...E está tudo bem...
E seguimos...

Sheila Costa
do blog Passarinhos no Telhado
imagens: google

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...