Pesquise no blog:

Carregando...

Tradutor

quinta-feira, 16 de junho de 2016

Os filhos são espelhos da "mente" dos pais


Uma professora de um jardim de infância veio a minha casa e disse quanto a mente infantil é sensível. Essa notável professora comentou: “Quando estamos de manhã com ânimo frouxo, por pouco que seja, as crianças passam o dia irrequietas, e nada conseguimos fazer de positivo. Quando a nossa mente está animada e firme, as crianças nos ouvem, com atenção”.
É exatamente isso que ocorre. A mente das crianças transforma-se de acordo com a mente dos adultos que as educam e criam. Se até crianças que não nasceram do seu próprio ventre reagem assim, de quem será a responsabilidade quando um filho que você gerou e criou passa a se manifestar como criança má? Você, que é a mãe dele, deve refletir melhor sobre seu estado mental. Se vive repudiando as palavras do marido ou de pessoas hierarquicamente superiores a você, de nada adiantará exigir dos filhos que lhe obedeçam. Quando a própria mãe tem mentalidade dócil, os filhos também são dóceis, naturalmente. Quando a mãe sente prazer em ler livros, os filhos passam a gostar espontaneamente de estudar. Se a mãe tem poupança secreta e faz compras às escondidas do marido. inevitavelmente os filhos agem de modo errado, longe das vistas dos pais. Sendo os filhos espelho da mente dos pais, estes devem analisar a própria conduta observando o aspecto daqueles.
Os jovens de hoje são criticados em diversos aspectos, mas essas críticas não devem ser voltadas apenas a eles, pois a responsabilidade disso encontra-se também nos adultos que não têm a moralidade bem definida. O “mundo ideal" é construído pela clara conscientização das responsabilidades de cada pessoa. As “guerras" se iniciam quando as partes atribuem a responsabilidade somente aos outros, sem admitir a própria responsabilidade. Talvez pensem que se prejudicarão se assumirem a sua responsabilidade, mas, na verdade, ocorre o contrário. Quando você tem ciência da responsabilidade que lhe cabe, tem também os direitos em suas mãos. Ou seja, tem em suas mãos o poder de dominar livremente a sua vida. Quando você muda, o outro muda.

Do Livro Reflexões Sobre a Vida
Seicho Taniguchi
imagemdaqui

É um olhar interessante que cabe reflexão da nossa parte!
Confesso que fiquei um pouco assustada, mas sinto que faz sentido...

 

Um comentário :

  1. Uma bela e perfeita reflexão sobre esta relação direta que há. E analise coerente sobre a critica comportamental dos jovens que na realidade espelham sua educação e o meio um tanto quanto desgregado onde convive.
    Abraços Sheila
    Bom fim de semana com paz.

    ResponderExcluir

Fico feliz com a sua companhia!
E fico mais feliz ainda quando você deixa um comentário!
Obrigada viu! :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...