Pesquisar este blog

Tradutor

terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Felicidade é...


Vida será sempre isso: altos e baixos, luz e sombra, bom e ruim, Yin e Yang. Por isso, como diz um antigo dito chinês, o homem sábio evita tanto a felicidade extrema quanto a tristeza absoluta, pois são os extremos que garantem que ele permaneça na roda eterna do vai e vem das dualidades. 

Muitos de nós vem buscando a felicidade sem perceber o estado efêmero no qual ela se traduz. Pois tudo é impermanência, tudo está em constante modificação, tudo o que era há dois segundos já mudou. E, desrespeitando completamente o ciclo natural da vida, queremos estar sempre no topo, sem nunca querer descer. Ao encontrarmos um ponto qualquer de estabilidade, a ele nos agarramos enlouquecidamente enquanto rezamos, baixinho e assustados, para que o vento não sopre mudando tudo novamente de lugar.

Ilusão. Felicidade não é um lugar ao qual a gente se agarra enquanto tapa os olhos e os ouvidos para as cenas e sons inevitáveis da vida. Felicidade é brigar menos com o processo de vai e vem. É aceitar que perder algo pode ser ao mesmo tempo doloroso e instigante - e agora, que você tem as mãos vazias? O que será que a vida vai trazer para que você segure?

Menos medo, mais amor: acredito que esta seja a fórmula mais provável da felicidade. 



6 comentários :

  1. Li e minha mente colocou fundo musical a medida que eu lia, segue a letra sussurrada na doce voz de Marcelo Jeneci:

    "Haverá um dia em que você não haverá de ser feliz
    Sentirá o ar sem se mexer
    Sem desejar como antes sempre quis

    Você vai rir, sem perceber
    Felicidade é só questão de ser
    Quando chover, deixar molhar
    Pra receber o sol quando voltar

    Lembrará os dias que você deixou passar sem ver a luz
    Se chorar, chorar é vão porque os dias vão pra nunca mais

    Melhor viver, meu bem
    Pois há um lugar em que o sol brilha pra você
    Chorar, sorrir também e depois dançar
    Na chuva quando a chuva vem"

    ResponderExcluir
  2. Oi Sheila passei para te fazer uma visita e escrever essa mensagem no meu caderninho para nunca esquecer. Um grande beijo. Regiane

    ResponderExcluir
  3. A cada mão vazia há sempre dádivas recebidas que nem sempre valorizamos.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  4. As nossas mãos nunca estão vazias, estão cheias de coisas para fazer e doar...
    E quando fazemos e doamos recebemos a felicidade de volta. Felicidade está nos pequenos atos que realizamos no nosso dia a dia.
    Joyce

    ResponderExcluir
  5. Bom da vida é saber transitar entre estes extremos, bem como saber entender e viver os intervalos desta vida.
    Belo texto.
    Meu abraço Sheila.

    ResponderExcluir
  6. Ótimo texto Sheila...me faz acordar para algumas coisas! Tenho muitos motivos para estar e ficar feliz, preciso sempre ver nas entrelinhas da vida e prestar atenção!
    Adorei...
    Beijos e te desejo um ótimo dia!
    CamomilaRosa

    ResponderExcluir

Fico feliz com a sua companhia!
E fico mais feliz ainda quando você deixa um comentário!
Obrigada viu! :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...