Pesquisar este blog

Tradutor

domingo, 23 de junho de 2013

Permita-se!



Eu não consigo...
Você não se permite, não é?
Está tão acostumado a fazer as coisas por dever, 
a aparentar o que não sente,
que encobriu todo aquele brilho da sua alma.
Então, fique bem quietinho ou quietinha, faça bastante silêncio,
dentro de você.
Agora, pense na melhor coisa que já lhe aconteceu na vida. 
O que foi? Uma surpresa? Um abraço?
Uma viagem? Um encontro? 
O que foi que lhe deu mais satisfação? 
(Satisfação verdadeira, íntima,
não satisfação de atender aos caprichos dos outros.)
Agora entre naquela sensação. 
Não foi como perceber-se vivo? 
Porque a gente sempre vive, mas tem horas que a gente se dá conta de estar vivo, 
e sente enorme gratidão por essa chance.

Calunga
imaemdaqui

5 comentários :

  1. Sheila querida! passar por aqui é quase como fazer uma análise da nossa vida...sempre acaba nos dando insights maravilhosos....adorei! beijos e boa semana!

    ResponderExcluir
  2. Bom dia, Sheila! Tive muitos bons momentos em minha vida, mas acho que um dos mais bonitos, foi quando finalmente conseguimos nos mudar para a nossa casa, toda reformada. Jamais me esqueço daquela noite de sábado, na qual o pedreiro nos entregou as chaves, e viemos correndo vê-la, ainda vazia, mas já limpinha e pronta para a nossa mudança. Sentei-me em um caixote na sala, e chorei copiosamente.

    ResponderExcluir
  3. Que Lindo Minha Amiga!
    Amei!!!
    Amo o seu cantinho

    Um Beijo no seu Coração e uma Maravilhosa semana
    Andrea

    ResponderExcluir

Fico feliz com a sua companhia!
E fico mais feliz ainda quando você deixa um comentário!
Obrigada viu! :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...