Pesquisar este blog

Tradutor

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Egrégora...


Entre 1348 e 1353, metade da população do mundo europeu morreu pela Peste Negra, muita gente culpou os judeus pelo terrível ocorrido. E apesar do Papa ter dito várias vezes que os judeus nada tinham a ver com a peste, milhares de Judeus foram expulsos de suas terras.  Quase 700 anos mais tarde o mesmo episódio se repetiria, judeus torturados e despojados de suas posses fugiriam e se refugiariam na Polônia. 

O que faz com que certos lugares repitam suas histórias? Será que ela ficaria gravada no seu solo, em suas construções, e essa energia de alguma forma contaminaria as gerações futuras? Ou será que esse local sempre esteve predisposto a essa energia?

Na verdade essa energia é chamada de Egrégora e é responsável pela maneira como nos sentimos. Ela também muitas vezes é responsável pela maneira como agimos,através de sua influência.

Algumas definições são bastante enfáticas sobre a definição de Egrégora : "Palavra que se tornou popular entre os espiritualistas, significa a aura de um local onde há reuniões de grupo, e também a aura de um grupo de trabalho"

Finalmente temos uma definição um pouco mais clássica: 

"Egrégora provém do grego egrégoroi e designa a força gerada pelo somatório de energias físicas, emocionais e mentais de duas ou mais pessoas, quando se reúnem com qualquer finalidade".  

A Egrégora acumula a energia de várias freqüências.  Assim, quanto mais poderoso for o indivíduo, mais força estará emprestando a Egrégora para que ela incorpore às dos demais.

Um lugar é como uma pessoa tem sua própria identidade, seu próprio humor, há lugares naturalmente ricos em energia e podemos sentir a diferença ao pisar em seu solo. Há outros em que a energia é sutil e nos sentimos bem nele.  Para conhecer a energia de um local basta senti-la e ficar atento a primeira impressão. Geralmente, é a mais verdadeira, pois é baseada na sua intuição imediata. 

Há locais de trabalhos espiritualmente insalubres. São feios, velhos e cheios de ranço do passado. O problema é que as pessoas tendem a se acostumar com isso e a situação só choca quem acaba de chegar, que logo é encarado como antipático que exige demais e é cheio de frescuras. 

A egrégora se realimenta das mesmas emoções que a criaram. Como ser vivo, não quer morrer e cobra o alimento aos seus genitores, induzindo-os a produzir, repetidamente, as mesmas emoções. Assim, a egrégora gerada por sentimentos de revolta e ódio, exige mais revolta e ódio.

Já a Egrégora criada com intenções saudáveis, tende a induzir seus membros a continuar sendo saudáveis. A Egrégora de felicidade, procura "obrigar" seus amos a permanecerem felizes. Dessa forma, vale aqui a questão: quem domina a quem? Conhecendo as leis naturais, você canaliza forças tremendas, como o curso de um rio, e as utiliza em seu benefício.

Provavelmente foi por isso que Jesus ensinou: "Onde houver dois ou mais em meu nome, aí eu estarei."



Egrégora de sua Casa

Se esse local de Egrégora danificadora for a da sua casa, há uma série de medidas que você pode tomar para aliviar a Egrégora pesada do local, mas não sendo o lugar em questão, como mudar?

Você pode conversar com o dono do local pra ver se rola pelo menos uma mudança estética, como uma pintura, móveis novos, cortinas esse tipo de coisa. Isso resolve? Não, mas é um começo. 

Pode ser que você consiga mudar a Egrégora do local simplesmente com atitudes assim, uma mudança movimenta novas energias. Mas pode ser que a Egrégora já esteja tão enraizada que ela não só se recusa a sair como ainda revida. É como se o ambiente inteiro se revoltasse! Coisas pifam, quebram, somem, as pessoas se estressam e o lugar logo parece feio, com infiltrações, manchas às vezes inexplicáveis. É por esta razão que muitos recomendam insensos, borifar as paredes com alfazema ou limão, muito sol e ventilação.

Nesse caso quando a Egrégora revida, há duas saídas para a pessoa que não quer participar desse lixo. Ou ela se protege entrando numa bolha de energia saudável, ou ela desiste e procura um lugar que não tenha que brigar o tempo todo. É até possível viver em um ambiente ruim por algum tempo, com a devida proteção, o problema é que dá muito trabalho e é cansativo. 

Nossa casa é um lugar sagrado. É onde deveríamos nos sentir seguros e protegidos. Infelizmente, nem todo mundo se sente assim. Muitas pessoas chegam diante de suas portas e dão um suspiro imaginando uma maneira de não dar o passo para dentro daquela casa. Por isso sempre estamos acostumados a pintar a casa antes de entrar, para modificar as energias locais e as egrégoras já firmadas.

Há uma serie de coisas que podemos fazer para mudar a energia de um local, como a verificação pela radiestesia, e a mais conhecida técnica de harmonização: o FENG SHUI, onde detectamos os pontos de energia ruim e de energia boa e procuramos equilibrar esses pontos, com técnicas simples como mudanças de móveis, pintura nas paredes, sinos de ventos etc.


Dicas de Harmonização

Sujeira:
Procure manter o local sempre limpo, não descuide da pintura. Evite lixo na cozinha pois ela é responsável pela prosperidade, saúde e sustento de todos na casa. A falta desse cuidado gera energia parada e estagnada.

Bagunça:
Nem sempre é possível se livrar da bagunça, mas é preciso mantê-la sobre controle. A bagunça embaralha os pensamentos, arrumar tudo torna sua vida mais clara. A bagunça embaralha a sua visão, e confunde o seu sentido de percepção.

Coisas velhas e quebradas:
Faça uma constante renovação de roupas, panelas, cacarecos em geral. Coisas velhas em demasia impedem a chegada de coisas novas. O novo precisa de espaço para chegar, o novo traz inícios, recomeços, oportunidades, novos prazeres e novos desafios, mas para isso tem que haver espaço, e o velho precisa deixar a nova energia chegar.

Pintura nova na mudança:
Uma pintura nova na mudança ou em qualquer momento da vida de sua casa poderá movimentar as energias, uma dica é colocar um pouquinho de pó de enxofre numa quantidade de 10g/10litros na tinta.

Iluminação da casa e casa arejada:
É sabido que a ação direta do Sol elimina bactérias, abra as janelas deixe a energia do SOl transmutar a energia da sua casa, com força e purificação. Há também a ação do elemento ar que entrará pelas janelas trazendo movimento, novas energias e novas possibilidades. A mensagem dos ventos amenizam as energias negativas. 

Trechos do texto de Kendra e Ayesha Tamarix
Baseado no livro: Harmonia na sua vida - Phillipa Waring
imagens google.

12 comentários :

  1. Essas informações são muito importantes, Sheilinha. E tenho certeza de que as coisas funcionam assim mesmo, pois tem épocas que não sinto nenhuma vontade de voltar para casa, e queando estou lá, fico ansiosa e estressada. Procuro mudar a energia da casa e a minha, mas às vezes é difícil!

    Beijinhos!!♥

    ResponderExcluir
  2. Já vivi em uma casa assim. Mesmo no verão, assim que entrávamos nela, sentíamos um frio gelado. No inverno, precisávamos de um aquecedor para conseguirmos dormir. A sala de jantar tinha um cheiro horrível. Saía um líquido oleoso e esquisito de dentro das tomadas, inclusive, da tomada do telefone. Havia também naquela casa, muitas aranhas! Todos os dias, encontrávamos alguma - grandes e peludas, outras, menores, mas todos os dias, sem exceções, aparecia alguma. Também havia lacraias. Às vezes acho que era porque no inverno não batia sol por lá, de maio até o início de setembro. Chamamos um grupo de espíritas que fizeram um trabalho por lá durante um dia inteiro. Acharam algumas coisas bastante estranhas... depois daquilo, tudo voltou ao normal.

    ResponderExcluir
  3. MUITO interessante!
    Obrigada amiga por compartilhar :)

    ResponderExcluir
  4. É mesmo existem lugares de energia muito pesadas...as pessoas que moram ou trabalham nestes ambientes tb são pesadas...Quando sinto essas energias saio correndo...kkk

    ResponderExcluir
  5. Oi Sheila!

    Menina, que delícia de post! Eu não conhecia o termo Egrégora, talvez já tivesse escutado, mas sem saber seu significado.
    Realmente tem lugares que a gente sente a energia. Muito bom quando podemos modificá-la, transformando-a de ruim em boa.

    Beijos, Renata
    palpitandoemtudo

    ResponderExcluir
  6. Sem sombra de duvida que seu blog tem uma egregora muito boa! Amo visitar vc. Da uma paz ler seus textos.
    Abracos
    Katia Vasques

    ResponderExcluir
  7. Sheila, eu adorei este assunto e amei ler e entender, obrigada!
    Beijos!
    CamomilaRosa

    ResponderExcluir
  8. Linkei no Face Sheila...merece ser vista o máximo possível esta matéria, ela é ótima, parabéns! Bjs

    ResponderExcluir
  9. Sheila...
    Lindo post....Adorei! Não conhecia esse termo Egregora....Amei as dicas de harmonização ....
    Nyan nyan
    Nina

    ResponderExcluir
  10. Boa tarde Sheila
    Moro em um lugar pesado enfrente da minha casa tem uma favela e venda de droga, minha casa esta em desonder não consigo colocar em ondem fico muito casada e quando estou em casa so quero dormi isso acontece com minhas filhas a mais velha vai para o trabalho e depois para casa de amigos só voltava para casa de madrugada e quando chamei a atenção dela ela foi mora com o pai.
    Sheila quero organizar minha casa elevar as energia negativas que vem da rua
    obrigada muita LUZ para vc :*

    ResponderExcluir

Fico feliz com a sua companhia!
E fico mais feliz ainda quando você deixa um comentário!
Obrigada viu! :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...