Tradutor

domingo, 13 de janeiro de 2013

Labirintite na Linguagem do Corpo


 A labirintite significa pensamentos atrapalhados, nervosismo reprimido, o efeito de um golpe emocional, a necessidade de liberdade para pensar e agir, a sensação de falta de amor, sentimento de solidão, dificuldade para expressar-se, estar tonto com tantos problemas emocionais, sentir-se desamparado e teimar em continuar tentando pelos velhos caminhos que nunca deram certo. Pare de tentar achar a saída! Se você continuar reprimindo seus medos, acabará entrando em pânico. Abra o jogo e liberte-se das amarras que o sufocam, colocando seus sentimentos em primeiro plano. Sua saúde está lhe pedindo para gritar pela sua felicidade. Pare de se anular. Jogue fora os ”lixos” guardados em seu coração e descubra seus verdadeiros sonhos, escondidos nessa escuridão. Seja você mesmo e respeite sua vida. Deixe para resolver os problemas na hora certa, pois vivê-los no dia-a-dia é prejudicial ao coração. Acredite que sua felicidade só depende de você e de sua conduta forte e decidida. Aja com humildade, mas seja firme em suas opiniões. Acalme-se e lembre-se que você já é feliz. Pois ninguém e nada neste mundo poderão fazê-lo infeliz. Somos nós, e não os outros, os únicos responsáveis pela nossa existência. Reaja! Acorde! 

Cristina Cairo - Linguagem do Corpo vol. I 

Leia mais sobre Linguagem do Corpo AQUI

8 comentários :

  1. Interessante, Sheila.

    Beijo na alma,
    Sam

    ResponderExcluir
  2. Eu não tenho, mas achei interessante essa postagem.
    Linda segunda,
    Alessandra

    ResponderExcluir
  3. Oi Sheila!

    Super interessante, não conhecia "esse lado" da causa da labirintite!
    E é batata! Estou com uma labirintite leve há mais ou menos um mês (acho que é, pode ser pressão baixa também) e é bem por aí mesmo: sentimentos atrapalhados, nervosismo reprimido...
    Obrigado.

    Beijos, Renata
    palpitandoemtudo

    ResponderExcluir
  4. Eu pensava que minha labirintite que ia e vinha era surtos da alma!
    Com o tempo descobrí que medicamentos específicos para um mal não podem atingir ou aliviar a alma!
    Aceitei:
    Meu mal é físico!
    Comecei a fazer as coisas direito, alimentação correta e na hora certa, atividade física, sono regulado, respeitar o relógio para evitar correrias ...
    Não me curei, mas as crises estão controladas e cada vez mais raras!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depois que a doença se manifesta no físico, temos que trata-la como tal. A Linguagem do Corpo não existe para que a pessoas achem que a doença que se manifestou não mereça um tratamento adequado. Mas para que reflita sobre seu comportamento...e através desta reflexão, tentar uma mudança mental aliado a um tratamento físico adequado...e consequentemente uma cura definitiva.
      Boa sorte para vc!

      Excluir

Fico feliz com a sua companhia!
E fico mais feliz ainda quando você deixa um comentário!
Obrigada viu! :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...