Pesquisar este blog

Tradutor

terça-feira, 26 de junho de 2012

Sobre o trabalho...


O trabalho é bom, mas ele não deveria se tornar um vício. Muitas pessoas transformaram seu trabalho em uma droga, a fim de que possam se esquecer de si mesmas nele – como um alcoólico se esquecendo de si mesmo no álcool.

Você deveria ser capaz tanto de não fazer quanto de fazer coisas – então, você é livre. Você deveria ser capaz de se sentar, sem nada fazer, tão perfeita, bem-aventurada e belamente como quando está trabalhando duro e fazendo muitas coisas; dessa maneira, você é flexível.

Existem dois tipos de pessoas: algumas fixadas em suas letargias e, no outro extremo, as fixadas em suas ocupações. Ambos estão aprisionados. Você deveria ser capaz de se mover sem esforço de um a outro tipo. Então você teria uma certa liberdade, uma certa graça e espontaneidade em seu ser.

Não sou contra o trabalho, não sou contra coisa alguma, mas nada deveria se tornar um vício; senão, você fica em um estado muito confuso. Se o trabalho for uma ocupação e você estiver simplesmente se escondendo nele, ele se tornará algo repetitivo, mecânico, uma obsessão.


Osho, Above All Don’t Wobble,

3 comentários :

  1. Ahhh...o que posso comentar sobre os textos de Osho?! Adoro seus pensamentos e sua consciência sobre as coisas!

    Beijinhos Passarinha!
    Tenha uma Bela Noite!
    Bençãos Plenas!

    ResponderExcluir
  2. Oi amiga Sheila!

    O trabalho feito com prazer deveria ser a meta de todos nós...nada em excesso é saudável.
    Bela postagem,minha querida!

    Bjssssss,
    Leninha

    http://leninha-sonhoseencantos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Ótimo post, afinal mesmo sendo algo bom, tudo que é em exagero se torna nocivo e prejudicial.

    ResponderExcluir

Fico feliz com a sua companhia!
E fico mais feliz ainda quando você deixa um comentário!
Obrigada viu! :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...